Slideshow

Breaking News

Líder do Governo no Senado é preso pela Operação Lava Jato


Delcídio Amaral, do PT do Mato Grosso do Sul, foi preso em um hotel de Brasília. O chefe do gabinete dele, Diogo Ferreira, e o banqueiro André Esteves, controlador do banco BTG Pactual, também foram detidos.

Delcídio é acusado de atrapalhar as investigações da Operação Lava Jato. Ele teria oferecido uma mesada de 50 mil reais à família de Cerveró para que o ex-diretor da Petrobras não firmasse um acordo de delação premiada com o Ministério Público. É a primeira vez, desde a constituição de 1988, que um senador é preso no exercício do mandato.