Ford anuncia demissão de 2 mil na Bahia e no Rio já foram 3 mil demitidos

domingo, dezembro 20, 2015
Chega a ser difícil acompanhar o noticiário sobre demissões, férias coletivas e demais consequências drásticas da crise econômica que assola o país. O caos é tamanho que às vezes os fatos se atropelam. Os dois casos trágicos deste post, por exemplo, ocorreram em menos de 48 horas.

Primeiro, o estaleiro Eisa fecha as portas de forma abrupta e os metalúrgicos descobrem a tragédia quando dão de cara com os portões fechados e uma carta coletiva demitindo todos eles. Depois, a Ford de Camaçari (BA, região metropolitana de Salvador) avisa que demitirá 2 mil trabalhadores; na primeira etapa, por meio do PDV (plano de demissão voluntária).


O desemprego segue a galope no país. A própria Petrobras já afastou 128 mil trabalhadores terceirizados (para se ter ideia do quanto de gente é isso, TODOS os funcionários da Prefeitura do Rio somam apenas 123 mil). E mais: especialista em trabalho revela expectativa de 10 milhões de desempregados em 2016.


Informações: Implicante.org
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Destaque

Veja Também

Acidentes (649) Altamira (951) Anapu (47) Belo Monte (220) Belo Sun (13) Brasil (1665) Brasil Novo (630) Celebridades (77) Ciência (177) Cinema (67) Clima e Tempo (40) Curiosidades (759) Desaparecidos (10) Eleições (178) Esporte (72) Governo Federal (308) Ibama (56) Imprensa (107) Internet (342) Itaituba (163) Justiça (623) Marabá (37) Medicilândia (160) Mundo (767) Música (125) Norte Energia (185) Novo Repartimento (23) Pacajá (38) Pará (775) Placas (43) Polícia (2006) Política (1036) Porto de Moz (25) Religião (529) Rurópolis (67) Santarém (201) SBT (290) Souzel (35) Tecnologia (214) Televisão (344) Transamazônica (342) Tucuruí (39) Uruará (291) Vitória do Xingu (123)