PM é acusado de tentar extorquir vendedores

sexta-feira, janeiro 29, 2016
(Foto: Divulgação)
O soldado do 6º Batalhão de Polícia Militar (BPM), Rianderson Rabelo Soares, 35 anos, foi acusado de extorquir dois homens, de 18 e 21 anos, nesta quinta-feira (28). O policial teria pedido a quantia de 7 mil reais para as vítimas, sob a ameaça de entregá-los à polícia, já que os dois vendem réplicas de roupas de marcas famosas.

O PM, que estava à paisana, agiu com outro homem identificado como Bruce Lancaste de Oliveira, 43 anos, que teria se passado por policial civil usando um distintivo falso.

Rianderson Rabelo Soares, 35 anos, é acusado de extorsão.
(Foto: Antônio Melo/Diário do Pará)
Os dois acusados teriam realizado a encomenda das peças pela internet e em seguida marcaram um encontro com os vendedores. No momento da entrega das camisas, a dupla teria feito ameaças aos jovens. “Eles disseram que queriam dinheiro e que caso a gente não pagasse, até droga eles iam forjar que encontraram com a gente. E ele me mostrou a droga”, relatou uma das vítimas.

O vendedor relata ainda que houve uma negociação, na qual o PM aceitou a quantia de 3 mil reais e liberou um dos jovens para conseguir o dinheiro. “Eu fiquei com os dois homens dentro do carro do policial, rodando cerca de 3 horas, recebendo ameaças e ele chegou a apontar a arma para mim”, contou.

A vítima seguiu em busca do dinheiro e acionou a Polícia Civil de Ananindeua.
(Foto: Antônio Melo/Diário do Pará)
O delegado Armando Mourão foi o responsável pelas diligências. Ele identificou o carro do policial e realizou a abordagem. O PM ainda tentou fugir, mas o delegado efetuou um disparo de advertência no pneu do veículo.

Após apreensão do veículo, foi realizada nele uma revista pela Polícia Civil. Foram encontrados 11 papelotes de uma substância, que seria cocaína. O material foi encaminhado para perícia no Instituto Médico Legal (IML). Uma pistola Ponto 40, usada pelo PM, também foi apreendida.

O caso está sendo investigado pela Divisão de Crimes Funcionais (Decrif) e de acordo com a delegada Dinilda da Costa, o policial foi autuado em flagrante por concussão e se comprovado que a substância usada por ele for cocaína, o PM também vai responder por tráfico de drogas. Bruce também vai responder por usurpação de função pública.

(DOL, com informações de Thamyres Nicolau/Diário do Pará)

Destaque

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (678) Altamira (988) Anapu (48) Belo Monte (222) Belo Sun (13) Brasil (1738) Brasil Novo (640) Celebridades (85) Ciência (183) Cinema (70) Clima e Tempo (41) Curiosidades (830) Desaparecidos (11) Eleições (200) Esporte (73) Governo Federal (332) Ibama (57) Imprensa (112) Internet (370) Itaituba (171) Justiça (656) Marabá (39) Medicilândia (165) Mundo (802) Música (128) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (40) Pará (824) Placas (44) Polícia (2078) Política (1125) Porto de Moz (25) Religião (541) Rurópolis (70) Santarém (209) SBT (295) Souzel (35) Tecnologia (227) Televisão (358) Transamazônica (349) Tucuruí (45) Uruará (299) Vitória do Xingu (126)