Slideshow

Breaking News

A AÇÃO DO POVO


"As coisas estão diferentes. O Brasil está diferente. A passividade acabou e o PT não sabe como lidar com isto.

Nesta semana, o movimento das ruas foi transferido para as instâncias judiciais, através de um dos meios de fiscalização pública e democrática mais antigos que existem na lei brasileira: a ação popular.

Eu nunca entendi porque os brasileiros sempre reclamavam de tudo e nunca ninguém pensava em utilizar a ação popular. Era a falta de maturidade: acreditávamos demais no governo (para dizer com o Bruno Garschagen) e agora percebemos que devemos contar conosco mesmos.

Nos últimos dias houve uma coesão maravilhosa entre os advogados, os juízes de primeira instância e os cidadãos que ingressaram com estas ações. Acreditem: se não fossem as ações populares - mais de 50! - não teríamos conseguido sustar a posse de Lula por mais de uma hora; também não teríamos conseguido provocar o que provocamos agora, uma ação efetiva da Corte Suprema para impedir o abuso de direito praticado por Lula e Dilma.

Espero que isto mostre para vocês o seguinte: nós temos meios, nós podemos agir. Não precisamos suportar passivos tudo o que nos metem garganta abaixo.

E, por favor, aprendam a usar ações populares! Fiscalizem, exerçam sua cidadania, não esperem que outros façam isto por vocês.

Vocês podem e devem participar do debate público, fiscalizar a Administração, exigir razões do que ela faz.

Esta semana vocês tiveram a prova de que isto é eficaz.

Obrigado, Sérgio Moro, por nos fazer lembrar disto."