Slideshow

Breaking News

Janot confirma que grampos foram legais

Reprodução
Os grampos de Dilma Rousseff foram perfeitamente legais.

Rodrigo Janot disse para o Valor:

“Há uma decisão judicial que determina escutas telefônicas. As pessoas que ligam para o alvo não são o objeto da escuta. Se as pessoas ligam para ele, a escuta em curso vai captar a conversa”.

Se a presidente da República telefona para um criminoso, portanto, ela pode ser grampeada.

Fonte: O Antagonista