Slideshow

Breaking News

Michel Temer Já Está Montando o Governo Para Substituir Dilma Rousseff

Reprodução
Michel Temer já fechou questão em torno do Impeachment da presidente Dilma Rousseff. Até o final do mês todos que pertencem ao PMDB e participam do governo Dilma devem entregar seus cargos, sob pena de serem expulsos e não participarem do governo dele depois do Impeachment.

Michel Temer já fez o compromisso com PSDB, DEM e PPS que ele não será candidato em 2018.

“Para dar robustez à promessa”, segundo a Folha de S. Paulo, “ele foi aconselhado por aliados a, assim que chegar ao cargo, apresentar proposta de emenda à Constituição que acabe com a reeleição”.

O PSDB quer que Michel Temer adote parte das propostas do partido. Entre as propostas do PSDB para apoiar Temer estão:

“Profissionalização de agências reguladoras, regras para a gestão de estatais e fundos de pensão, além do compromisso com uma minirreforma eleitoral.

Os tucanos também têm pedido que Temer promova, de saída, um corte drástico no número de ministérios”.

Com o acordo entre PMDB, PSDB e PPS o Impeachment da presente Dilma é só uma questão de tempo, pouquíssimo tempo por sinal.

Por Cleuber Carlos