Michel Temer Já Está Montando o Governo Para Substituir Dilma Rousseff

segunda-feira, março 21, 2016
Reprodução
Michel Temer já fechou questão em torno do Impeachment da presidente Dilma Rousseff. Até o final do mês todos que pertencem ao PMDB e participam do governo Dilma devem entregar seus cargos, sob pena de serem expulsos e não participarem do governo dele depois do Impeachment.

Michel Temer já fez o compromisso com PSDB, DEM e PPS que ele não será candidato em 2018.

“Para dar robustez à promessa”, segundo a Folha de S. Paulo, “ele foi aconselhado por aliados a, assim que chegar ao cargo, apresentar proposta de emenda à Constituição que acabe com a reeleição”.

O PSDB quer que Michel Temer adote parte das propostas do partido. Entre as propostas do PSDB para apoiar Temer estão:

“Profissionalização de agências reguladoras, regras para a gestão de estatais e fundos de pensão, além do compromisso com uma minirreforma eleitoral.

Os tucanos também têm pedido que Temer promova, de saída, um corte drástico no número de ministérios”.

Com o acordo entre PMDB, PSDB e PPS o Impeachment da presente Dilma é só uma questão de tempo, pouquíssimo tempo por sinal.

Por Cleuber Carlos

Destaque

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (677) Altamira (986) Anapu (48) Belo Monte (222) Belo Sun (13) Brasil (1734) Brasil Novo (639) Celebridades (85) Ciência (182) Cinema (70) Clima e Tempo (41) Curiosidades (826) Desaparecidos (10) Eleições (198) Esporte (73) Governo Federal (331) Ibama (57) Imprensa (112) Internet (367) Itaituba (171) Justiça (654) Marabá (39) Medicilândia (165) Mundo (801) Música (127) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (40) Pará (823) Placas (44) Polícia (2076) Política (1122) Porto de Moz (25) Religião (541) Rurópolis (70) Santarém (209) SBT (295) Souzel (35) Tecnologia (227) Televisão (357) Transamazônica (349) Tucuruí (45) Uruará (299) Vitória do Xingu (126)