O golpe de Dilma e do PT contra o impeachment

quinta-feira, março 24, 2016
Muitos dos que agora engrossam o canto do "não vai ter golpe" estiveram nas ruas décadas antes exigindo a saída de FHC
Dilma e o PT repetem exaustivamente que o processo de impeachment em curso é uma tentativa de golpe contra o governo.

Isso é tão falso quanto à garantia que ela deu durante a campanha eleitoral de que não retornaria com a CPMF.

Os incautos e as viúvas de Lula ficam excitadas com essa cantilena, que tem como propósito óbvio iludir a opinião pública.

Dilma quer passar para a nação a ideia de que está sendo apeada do poder por uma horda de oposicionistas, juízes e jornalistas.

Todos conspiradores baratos.

Todos dispostos a derrubar uma governante legitimamente eleita pelo povo.

Ora, vamos ser claros: o impeachment está previsto na Constituição.

Portanto, não é golpe.

Só teremos uma ruptura constitucional caso não sejam observados todos os mecanismos de defesa previstos em lei.

E isso não está acontecendo.

Dilma está tendo direito ao contraditório no campo jurídico. E na arena política, que é, de fato, onde o jogo é jogado, pode utilizar todo o seu arsenal, inclusive, nomeando ministro alguém investigado pela Justiça. Ou oferecendo ao PMDB todas as joias que ainda restam da coroa.

O impeachment faz parte do nosso ordenamento jurídico-institucional. Não é por ter sido eleita, que Dilma pode achar que está acima da lei. Que não deve satisfações pelos malfeitos que possa ter cometido.

É interessante lembrar que muitos dos que agora engrossam o canto do "não vai ter golpe" estiveram nas ruas décadas antes exigindo a saída de Fernando Henrique Cardoso.

Alguns juristas que assinaram o pedido de impeachment de FHC são os mesmos que agora dizem que impeachment é golpe.

Pau que bate em Chico bate em Francisco, sabem os mais velhos.

O PT tem um modo próprio de seguir a Constituição.

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Foi divulgada nesta sexta-feira (16) pesquisa sobre intenções de votos feita pelo IBOPE Inteligência para as próximas eleições para o Governo do Pará

Foi divulgada nesta sexta-feira (16) pesquisa sobre intenções de votos feita pelo IBOPE Inteligência para as próximas eleições para o Governo do Pará, para o Senado Federal e para a Presidência da República. Em todas as três projeções para o Governo do Estado, Helder lidera as intenções dos eleitores. SAIBA MAIS NO LINK: www.tvcidadesbt.com.br/2018/02/helder-barbalho-lidera-em-3-cenarios.html

Publicado por TV Cidade SBT em Sábado, 17 de fevereiro de 2018
Acidentes (718) Altamira (1023) Anapu (53) Belo Monte (226) Belo Sun (14) Brasil (1820) Brasil Novo (666) Celebridades (94) Ciência (188) Cinema (71) Clima e Tempo (47) Curiosidades (930) Desaparecidos (13) Eleições (240) Esporte (76) Governo Federal (353) Ibama (57) Imprensa (114) Internet (400) Itaituba (181) Justiça (688) Marabá (41) Medicilândia (192) Mundo (838) Música (132) Norte Energia (187) Novo Repartimento (27) Pacajá (45) Pará (880) Placas (45) Polícia (2189) Política (1226) Porto de Moz (26) Religião (559) Rurópolis (71) Santarém (215) SBT (302) Souzel (37) Tecnologia (237) Televisão (370) Transamazônica (366) Tucuruí (51) Uruará (310) Vitória do Xingu (136)

Helder garante R$ 4,7 bilhões para o Pará

Segundo o ministro Helder,os recursos serão investidos até o ano de 2020 (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil) O Pará está às vésperas de ...