Usuários do hospital de Altamira são orientados sobre o controle da hipertensão e do diabetes

terça-feira, março 01, 2016

O Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT) deu início neste mês de fevereiro a um projeto que leva conhecimento sobre os benefícios de uma alimentação saudável aos usuários do serviço de nefrologia da unidade. Por meio de palestras ministradas pelo Serviço de Nutrição e Dietética (SND) do hospital, os usuários que ainda não estão sendo submetidos à hemodiálise recebem informações sobre a importância de se ter bons hábitos alimentares para o controle do diabetes e da pressão arterial, que interferem diretamente nas doenças renais. É uma forma de prevenção além da orientação.

A dinâmica da palestra foi elaborada pela equipe de nutricionistas do HRPT que levou informação aos usuários de uma maneira bem participativa. Todos receberam placas, contendo imagens dos alimentos mais consumidos no dia a dia do brasileiro e cada um explicou à palestrante o que sabia sobre o alimento. Ao final, a nutricionista esclareceu dúvidas, falou sobre os malefícios dos alimentos e condimentos industrializados, assim como os excessos na utilização do sal e por consequência no consumo sódio, considerado um veneno para pacientes renais crônicos.

Para a nutricionista, Viviany Raposo, é importante ressaltar que consumir frutas, carnes magras, cereais integrais, legumes, entre outros alimentos saudáveis, ajuda a controlar a pressão e o diabetes. “A intenção é fazer com que a alimentação deles seja a mais natural possível, sem adição de sal, uso de conservantes e a utilização de alimentos industrializados. Essa iniciativa vai auxiliar no tratamento e na prevenção das doenças renais, uma vez que a hipertensão e o diabetes estão relacionados como os principais causadores da insuficiência renal crônica”, relatou a palestrante.

Para dona Maria Catarina de Oliveira da Silva, usuária da nefrologia do HRPT, a iniciativa tirou algumas de suas dúvidas e ensinou como preparar corretamente sua alimentação. “Eu não tinha noção da quantidade de açúcar e sal que tem nesses alimentos industrializados. Alguns pareciam inofensivos. Mas eu saio daqui, hoje, sabendo o que preparar tanto para mim, que tenho problema renal, como para meu marido que é hipertenso”, afirmou a usuária, que recebeu da nutricionista um sal preparado com ervas que reduz o sódio na composição.

O HRPT pretende estender a programação durante todo o ano, com datas pré-definidas, para atender o agendamento de consultas e exames dos usuários de outros municípios, assim como para alcançar um número maior de usuários de Altamira, seus acompanhantes e os colaboradores do hospital. Futuramente, ações educativas serão elaboradas a fim de informar toda a comunidade da região.

Público e gratuito, o Hospital Regional Público da Transamazônica pertence ao Governo do Pará sendo administrado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar sob contrato de gestão com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

Por Renata Pantoja
Assessora de Comunicação - HRPT

Destaque

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (677) Altamira (985) Anapu (48) Belo Monte (222) Belo Sun (13) Brasil (1731) Brasil Novo (639) Celebridades (85) Ciência (182) Cinema (70) Clima e Tempo (41) Curiosidades (822) Desaparecidos (10) Eleições (197) Esporte (73) Governo Federal (331) Ibama (57) Imprensa (112) Internet (366) Itaituba (170) Justiça (654) Marabá (39) Medicilândia (165) Mundo (799) Música (127) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (40) Pará (822) Placas (44) Polícia (2072) Política (1120) Porto de Moz (25) Religião (540) Rurópolis (70) Santarém (209) SBT (295) Souzel (35) Tecnologia (226) Televisão (357) Transamazônica (349) Tucuruí (45) Uruará (299) Vitória do Xingu (126)