STF notifica Dilma para que esclareça o termo ‘golpe’ no discurso

quarta-feira, maio 18, 2016

A Câmara dos Deputados não deixou barato e o Supremo Tribunal Federal, em decisão liminar da ministra Rosa Weber, deu aval para a cobrança da responsabilidade da verborragia política.

A ministra determinou ontem que presidente afastada Dilma Roussef seja notificada para responder a ação da Procuradoria Parlamentar da Câmara. O STF e a Câmara querem que ela esclareça o uso do termo “golpe'' nos discursos públicos, sobre o processo de impeachment, ocorrido dentro da lei, conforme citam as duas instituições.

Assim que for notificada, Dilma terá até 10 dias para enviar à Corte e à Câmara a sua justificativa.

De acordo com a assessoria da Procuradoria da Câmara, a ação foi levada pelo órgão ao STF no último dia 5 “e atendeu a um pedido do deputado federal Júlio Lopes (PP-RJ) (…). O deputado questiona o que consistiria o suposto golpe, quem seriam os golpistas e o motivo de a Presidente não ter recorrido a nenhuma instituição para evitar o que considera ser golpe''.

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (686) Altamira (1002) Anapu (48) Belo Monte (224) Belo Sun (14) Brasil (1766) Brasil Novo (643) Celebridades (89) Ciência (187) Cinema (70) Clima e Tempo (42) Curiosidades (865) Desaparecidos (11) Eleições (218) Esporte (74) Governo Federal (337) Ibama (57) Imprensa (113) Internet (384) Itaituba (171) Justiça (666) Marabá (42) Medicilândia (174) Mundo (818) Música (129) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (41) Pará (842) Placas (44) Polícia (2109) Política (1160) Porto de Moz (25) Religião (549) Rurópolis (70) Santarém (209) SBT (299) Souzel (37) Tecnologia (229) Televisão (364) Transamazônica (354) Tucuruí (47) Uruará (302) Vitória do Xingu (130)