Indonésia punirá estupradores de crianças com castração química

quinta-feira, julho 14, 2016
Decisão de presidente é resposta a crescimento de violência sexual no país
Adolescentes são presos por estupro de menor na Indonésia - AFP
O presidente da Indonésia assinou um decreto, nesta quarta-feira, para punir com mais rigor os estupradores de criança com castração química.

Além disso, os condenados que forem deixarem a prisão sob liberdade condicional terão que usar dispositivos de monitoramento eletrônico.

De acordo com o presidente Joko "Jokowi" Widodo, a ordem administrativa é uma resposta à crescente violência sexual contra crianças no país.

No último dia 14 de abril, uma adolescente de 14 anos foi estuprada e morta quando voltava para casa na ilha de Sumatra, no país asiático. Sete garotos adolescentes foram condenados a 10 anos de cadeia pelo crime, que causou uma onda de comoção nacional, reascendendo demandas anteriores por castração química de estupradores.

Na castração química, drogas são usadas para reduzir o desejo sexual de uma pessoa. Países como Rússia, Austrália, Coreia do Sul e Estados Unidos já empregaram essa punição, em alguns casos como forma de reduzir o tempo de prisão.

O presidente Widodo já tinha deixado claro, anteriormente, que agressões contra crianças são um crime particularmente sério porque coloca em perigo a vida da criança e o seu bem-estar.

O GLOBO
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte "É preciso que cada um cumpra com a sua obrigação, que tenhamos pulso forte e que se trabalhe muito para que possamos devolver a paz para a população paraense. Tivemos audiência hoje com o Presidente da República, Michel Temer, o Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, e deputados federais do Pará onde ficou decidido que o Centro Integrado de Comando e Controle da Região Norte será instalado em Belém. É um espaço que integra todos os órgãos de segurança pública, federais e estaduais, com o objetivo de investigar e reduzir a onda de violência que tomou conta da nossa região, do nosso estado e da região metropolitana da nossa capital Belém", disse Helder Barbalho. Por Gleyson Araujo SAIBA MAIS NO LINK: www.tvcidadesbt.com.br/2018/04/para-deve-sediar-centro-integrado-de.html

Publicado por TV Cidade SBT em Sexta, 13 de abril de 2018
Acidentes (733) Altamira (1030) Anapu (57) Belo Monte (227) Belo Sun (14) Brasil (1864) Brasil Novo (668) Celebridades (95) Ciência (192) Cinema (74) Clima e Tempo (51) Curiosidades (982) Desaparecidos (13) Eleições (262) Esporte (76) Governo Federal (369) Ibama (59) Imprensa (115) Internet (415) Itaituba (185) Justiça (712) Marabá (43) Medicilândia (198) Mundo (859) Música (132) Norte Energia (188) Novo Repartimento (28) Pacajá (47) Pará (920) Placas (45) Polícia (2229) Política (1284) Porto de Moz (27) Religião (564) Rurópolis (71) Santarém (218) SBT (302) Souzel (38) Tecnologia (251) Televisão (372) Transamazônica (369) Tucuruí (53) Uruará (321) Vitória do Xingu (138)

Postagem em destaque

Helder lidera em nova pesquisa para governador do Estado

Helder Barbalho (PMDB) lidera na nova pesquisa sobre a preferência do eleitorado paraense nas eleições deste ano ao governo do Estado. Na in...