Não leve multa. Farol baixo não é luz mínima.

sexta-feira, julho 08, 2016
A partir de hoje, 8 de julho de 2016, passa a vigorar a obrigatoriedade de circulação de automóveis nas estradas brasileiras com o farol baixo ligado durante o dia. A Lei 13.290 de 16 de maio de 2016 alterou dois artigos do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), sendo eles o artigo 40 inciso I e 250 inciso I, línea b.

Até agora, era recomendável utiliza-lo no período diurno sob neblina ou chuva, além de ser obrigatório durante a noite. Mas, com a nova resolução, nas estradas municipais, estaduais e federais os faróis deverão estar acesos. Nas vias urbanas (ruas, avenidas, pistas de trânsito rápido), os automóveis podem continuar com faróis apagados ou utilizando luzes diurnas.

A PRF esclarece que a lei determina que seja o facho baixo e não lanternas, faróis de milha, faróis auxiliares, faróis de neblina ou qualquer outra iluminação que não seja o facho baixo. No entanto, os LEDs diurnos ou DRL´s serão encarados como válidos pela PRF. A lei é semelhante à aplicada em motos, caminhões e ônibus.

Ou seja, não adianta ligar nenhum destes dispositivos, pois a multa será de R$ 85,13 com quatro pontos na CNH do condutor ou proprietário do veículo. A partir de novembro, essa infração passará a custar R$ 130,16. Desde 1998 o Contran já recomenda o uso de farol baixo como parte integrante da segurança do veículo.

Saiba identificar corretamente as diferentes luzes do seu carro:
FAROL BAIXO (USO OBRIGATÓRIO NAS RODOVIAS):
FAROL BAIXO (USO OBRIGATÓRIO NAS RODOVIAS):
LUZ MÍNIMA OU DIURNA: 
DOL (Com informações de UOL)
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte "É preciso que cada um cumpra com a sua obrigação, que tenhamos pulso forte e que se trabalhe muito para que possamos devolver a paz para a população paraense. Tivemos audiência hoje com o Presidente da República, Michel Temer, o Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, e deputados federais do Pará onde ficou decidido que o Centro Integrado de Comando e Controle da Região Norte será instalado em Belém. É um espaço que integra todos os órgãos de segurança pública, federais e estaduais, com o objetivo de investigar e reduzir a onda de violência que tomou conta da nossa região, do nosso estado e da região metropolitana da nossa capital Belém", disse Helder Barbalho. Por Gleyson Araujo SAIBA MAIS NO LINK: www.tvcidadesbt.com.br/2018/04/para-deve-sediar-centro-integrado-de.html

Publicado por TV Cidade SBT em Sexta, 13 de abril de 2018
Acidentes (733) Altamira (1030) Anapu (57) Belo Monte (227) Belo Sun (14) Brasil (1866) Brasil Novo (668) Celebridades (95) Ciência (192) Cinema (74) Clima e Tempo (51) Curiosidades (983) Desaparecidos (13) Eleições (263) Esporte (76) Governo Federal (369) Ibama (59) Imprensa (115) Internet (415) Itaituba (185) Justiça (715) Marabá (43) Medicilândia (198) Mundo (860) Música (132) Norte Energia (188) Novo Repartimento (28) Pacajá (47) Pará (920) Placas (45) Polícia (2230) Política (1287) Porto de Moz (27) Religião (565) Rurópolis (71) Santarém (218) SBT (302) Souzel (38) Tecnologia (251) Televisão (372) Transamazônica (369) Tucuruí (53) Uruará (322) Vitória do Xingu (138)

Postagem em destaque

Helder lidera em nova pesquisa para governador do Estado

Helder Barbalho (PMDB) lidera na nova pesquisa sobre a preferência do eleitorado paraense nas eleições deste ano ao governo do Estado. Na in...