Suposto terrorista com destino a Belém é detido

segunda-feira, agosto 15, 2016

De acordo com informações da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) e Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública (Sejusp) do Amapá, o suposto terrorista marroquino Rachid Rafaa, de 40 anos, apontado como membro do grupo terrorista Al-Qaeda, pode ter sido detido neste sábado (13), no navio Ana Beatriz, no estado do Amapá, com destino a Belém. Em nota, a Polícia Federal (PF) no Amapá negou a informação.

Antes da embarcação Ana Beatriz partir, policiais militares realizaram uma inspeção no local, mas o suspeito não foi localizado e o navio seguiu viagem. Minutos depois, passageiros informaram ao comandante que havia um homem com as características citadas pela polícia dentro do navio.

Com posse da informação, o comandante decidiu retornar ao porto e informar a Polícia Militar. O suspeito foi localizado, detido e encaminhado para a PF para averiguação.

Apesar das informações da Segup e Sejusp, a PF no Amapá entrou em contato com o DOL, por telefone e e-mail, informando que o detido – cujo nome não foi divulgado – não se trata de Rachid Rafaa.

“A Polícia Federal informa que o estrangeiro detido neste sábado em Macapá (AP) é um cidadão sírio com pedido de refúgio em andamento. Ele foi autuado por não ter registro de saída e entrada no país e logo em seguida liberado”.

POLÍCIA JÁ HAVIA EMITIDO ALERTA
Ver imagem no Twitter
O Centro Policial de Cooperação Brasil-França emitiu um alerta na quinta-feira (4) para a suposta presença do marroquino na fronteira do Brasil, no Estado do Amapá, com a Guiana Francesa.

Rachid Rafaa teria sido visto em São Jorge do Oiapoque (Saint-Georges-de-l’Oyapock), distante cerca de 590 km de Macapá, segundo informou a Polícia Civil do Amapá.

O marroquino é considerado foragido da Justiça francesa desde 26 de julho.

Ele cumpria pena desde maio de 2014, na cidade de Morne Rouge, na Martinica, por uma suposta ligação com grupos extremistas.

A princípio, segundo o comunicado da polícia francesa, não apresenta perigo físico, mas é apontado como um especialista em Tecnologia da Informação (TI) do grupo Al-Qaeda.

O grupamento fluvial da Segup foi comunicado da prisão do suspeito.

ALERTA MÁXIMO

Na segunda-feira (8), a Polícia Civil do Amapá emitiu o alerta a pedido da polícia francesa, enquanto a foto do suspeito foi divulgada pela Sejusp.

De acordo com o delegado Charles Corrêa, da Polícia Civil de Oiapoque, a imagem do suspeito em território brasileiro circulava desde quinta-feira (4), segundo informações da polícia francesa.

“Isto é de interesse nacional e de alerta máximo. Todas as polícias estão à procura desse suspeito”, afirmou o delegado.

No Amapá, em razão da fronteira com Guiana Francesa, os órgãos de segurança pública do Estado intensificaram as fiscalizações de forma integrada com as polícias Federal, Rodoviária Federal, Civil e Militar, além do Exército Brasileiro.

A população pode contribuir com informações pelos números 190 ou (96) 3521-2935, 2101 e 2308, ou ainda via Whatsapp (96) 99202-2000.


(DOL)

Destaque

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (667) Altamira (966) Anapu (48) Belo Monte (221) Belo Sun (13) Brasil (1687) Brasil Novo (635) Celebridades (83) Ciência (180) Cinema (69) Clima e Tempo (40) Curiosidades (788) Desaparecidos (10) Eleições (183) Esporte (72) Governo Federal (320) Ibama (56) Imprensa (110) Internet (350) Itaituba (168) Justiça (635) Marabá (38) Medicilândia (163) Mundo (784) Música (126) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (39) Pará (798) Placas (44) Polícia (2036) Política (1068) Porto de Moz (25) Religião (536) Rurópolis (69) Santarém (204) SBT (293) Souzel (35) Tecnologia (218) Televisão (352) Transamazônica (345) Tucuruí (40) Uruará (296) Vitória do Xingu (124)