Novo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, promete proteger os cristãos

domingo, novembro 13, 2016
"Eu sou evangélico. Eu sou presbiteriano e tenho orgulho disso", afirma Donald Trump.
O mais novo presidente dos USA declara ser evangélico
Após o termino de uma campanha turbulenta e cheia de polêmicas que circularam pela internet, canais de TV e, até mesmo fotos de sua esposa nua, foram manchete nos principais jornais dos Estados Unidos e no mundo, mesmo com tudo isso, Donald Trump se mostrou firme e disposto a assumir um dos cargos mais importantes do planeta.

Durante um de seus pronunciamentos, Trump enfatiza: "Eu sou evangélico. Eu sou presbiteriano e tenho orgulho disso. Eu serei o maior representante do povo evangélico de todos os tempos, chamaremos a atenção sobre a violenta perseguição que ameaça os nossos irmãos cristãos e as pessoas de outros credos no mundo inteiro, especialmente no Oriente Médio”.

Como promessa de campanha, ele sempre enfatizou o apoio às igrejas evangélicas, sempre se mostrou preocupado com a classe religiosa, desta forma, conseguiu o apoio de igrejas e líderes religiosos de todo o país.

Quem é Donald Tramp?

Conhecido por ser mulherengo, bilionário e polêmico, Trump gaba-se de seu patrimônio avaliado em mais de 10 bilhões de dólares, pouco mais que 32 bilhões de reais, ele afirma. Porém, segundo levantamentos da Forbes, sua fortuna estaria avaliada em 3,7 bilhões de dólares (11,84 bilhões de reais).

Cristão conservador?

A todo momento, Trump se mostrou contra o aborto e intransigente sobre a questão do casamento homossexual, por esses e outros motivos, ele se descreve como cristão conservador!

E entre as promessas polêmicas, está a construção de um muro e a expulsão dos imigrantes.

Após a vitória do mais novo Presidente dos #Estados Unidos, milhares de manifestantes se reuniram em frente a Trump Tower, em Nova Iorque, em protesto contra a eleição do republicano Donald Trump.

Os manifestantes gritavam "a vida dos negros importa", "a vida dos trans importa" e "Donald Trump, vá embora, racista, sexista e antigay".

O Papa Francisco se pronunciou dizendo que Donald Trump "não é cristão" por causa de sua opinião sobre imigração. Mais tarde, Donald respondeu dizendo que se o Estado Islâmico atacasse o Vaticano, o Papa iria desejar que ele fosse o presidente dos Estados Unidos.

Destaque

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (677) Altamira (985) Anapu (48) Belo Monte (222) Belo Sun (13) Brasil (1731) Brasil Novo (639) Celebridades (85) Ciência (182) Cinema (70) Clima e Tempo (41) Curiosidades (822) Desaparecidos (10) Eleições (197) Esporte (73) Governo Federal (331) Ibama (57) Imprensa (112) Internet (366) Itaituba (170) Justiça (654) Marabá (39) Medicilândia (165) Mundo (799) Música (127) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (40) Pará (822) Placas (44) Polícia (2072) Política (1120) Porto de Moz (25) Religião (540) Rurópolis (70) Santarém (209) SBT (295) Souzel (35) Tecnologia (226) Televisão (357) Transamazônica (349) Tucuruí (45) Uruará (299) Vitória do Xingu (126)