Temer cancela bilhões que iria para Cuba e disse que vai investir na saúde do Brasil

terça-feira, novembro 08, 2016
O repasse da maior parte dos salários dos médicos cubanos ao governo daquele país contraria definição do Tribunal de Contas da União.

A corte fez um estudo detalhado dos documentos relativos ao acordo concluiu que o tratamento diferenciado entre os médicos brasileiros e os que profissionais que vieram por meio do intercâmbio e constatou que as cláusulas afrontam o artigo 5º da Constituição Federal, segundo o qual todos são iguais perante a lei.

Implantado pelo governo Dilma há três anos, o programa Mais Médicos prevê o repasse de cerca de 60% dos rendimentos dos profissionais ao governo cubano. com a revisão do programa pelo novo governo, os profissionais de saúde passarão a receber integralmente seus salários e poderão obter o visto de permanência no Brasil.

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Destaque

Veja Também

Acidentes (649) Altamira (950) Anapu (47) Belo Monte (220) Belo Sun (13) Brasil (1664) Brasil Novo (630) Celebridades (77) Ciência (177) Cinema (67) Clima e Tempo (40) Curiosidades (755) Desaparecidos (10) Eleições (177) Esporte (72) Governo Federal (307) Ibama (56) Imprensa (107) Internet (341) Itaituba (163) Justiça (621) Marabá (37) Medicilândia (160) Mundo (764) Música (125) Norte Energia (185) Novo Repartimento (23) Pacajá (38) Pará (774) Placas (43) Polícia (2006) Política (1034) Porto de Moz (25) Religião (528) Rurópolis (67) Santarém (201) SBT (290) Souzel (35) Tecnologia (214) Televisão (344) Transamazônica (342) Tucuruí (39) Uruará (291) Vitória do Xingu (123)