Justiça norte-americana confirma: Lula é o chefe da organização criminosa

terça-feira, dezembro 27, 2016

As notícias deste final de 2016 são extremamente desfavoráveis à Lula. Não bastasse ele ter se tornado réu 5 vezes pelas mãos da justiça brasileira, a justiça americana também chegou à conclusão – aquela mesma conclusão tão contestada do Power Point do procurador Deltan Dalagnol – de que ele é o Número 1, ou seja, o chefe da organização criminosa. Não há mais como negar. Não é um caso de falta de provas e sim de excesso.

Se Lula permanecer solto será como aquele banco da piada de Emílio de Menezes, que quebrou por excesso de fundos. Um parêntesis para quem não conhece a anedota. Foi uma blague de Emílio contra uma antipática e volumosa cantora lírica portuguesa que, ao sentar no banco de um dos antigos bondes do Rio de Janeiro, fez sua estrutura de madeira ranger; ao que o poeta disse: “é o primeiro banco que vejo quebrar por excesso de fundos”).

Mas Lula não deve ser preso por vingança. Nem se lhe deve infligir sofrimentos voluntariamente. Nada disso é ético. Nada disso serve à democracia. Ele deve ser preso, simplesmente, porque continua chefiando uma organização criminosa que ainda está longe de ser desbaratada.

É preciso entender que essa organização não é propriamente um arranjo ilegal de dirigentes de empresas e de órgãos do Estado montado para delinquir, roubar, pagar propina, desviar dinheiro público. Esses são apenas alguns meios de que a organização criminosa lançou mão para atingir seus objetivos.

A organização criminosa em questão não é uma associação de bandidos comuns. É uma organização política, de bandidos políticos (que cometem crimes contra a democracia, no Brasil e no exterior). A organização criminosa é a direção do PT (o “partido interno”) sob o controle de Lula e Dirceu.

O objetivo dessa organização política criminosa era tomar o poder a partir do governo para nunca mais sair do governo. Era, em outras palavras, bolivarianizar – embora à brasileira – o nosso regime político, enfreando a democracia. Esse objetivo foi frustrado, mas não porque a organização tivesse sido desfeita. Não foi. Enquanto o PT puder continuar atuando legalmente sob a chefia de Lula, a organização continuará existindo. E delinquindo.

Fonte: Dagobah
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Destaque

Veja Também

Acidentes (649) Altamira (950) Anapu (47) Belo Monte (220) Belo Sun (13) Brasil (1663) Brasil Novo (630) Celebridades (76) Ciência (177) Cinema (67) Clima e Tempo (40) Curiosidades (754) Desaparecidos (10) Eleições (176) Esporte (72) Governo Federal (307) Ibama (56) Imprensa (107) Internet (341) Itaituba (163) Justiça (621) Marabá (37) Medicilândia (160) Mundo (764) Música (124) Norte Energia (185) Novo Repartimento (23) Pacajá (38) Pará (773) Placas (43) Polícia (2004) Política (1033) Porto de Moz (25) Religião (528) Rurópolis (67) Santarém (200) SBT (290) Souzel (35) Tecnologia (214) Televisão (344) Transamazônica (342) Tucuruí (39) Uruará (290) Vitória do Xingu (123)