Temer decreta luto oficial pela morte do ministro Teori Zavascki

quinta-feira, janeiro 19, 2017
Presidente classificou como "impecável" a trajetória do ministro do STF, morto aos 68 anos em acidente aéreo em Paraty (RJ)
Presidente Michel Temer manifesta pesar pela morte do ministro do STF Teori Zavascki
Foto: Beto Barata/PR
O presidente da República, Michel Temer, decretou luto oficial de três dias nesta quinta-feira (19) pela morte do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki. Em declaração à imprensa no Palácio do Planalto, Temer classificou como “impecável” a trajetória do magistrado e disse ter recebido a notícia com "profundo pesar".

“Neste momento de luto, manifesto, eu e a minha equipe, aos familiares do ministro e dos demais integrantes do voo meus sentimentos de pesar e associo-me a todos os brasileiros ao lamentar a perda de um homem público cuja trajetória impecável a favor do direito e da Justiça sempre o distinguiram”, afirmou Temer.

Acompanhado dos ministros da Justiça, Alexandre de Moraes; das Relações Exteriores, José Serra; e da Advocacia Geral da União (AGU), Grace Mendonça, o presidente classificou Zavascki como um “homem de bem” e um “orgulho para todos os brasileiros”. O ministro do STF morreu em uma acidente aéreo na cidade de Paraty, no Rio de Janeiro.

Nascido em Faxinal dos Guedes (SC), Teori Zavascki se formou em direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), onde também concluiu mestrado e doutorado em direito processual civil, área em que lecionava. Antes de chegar ao STF, em 2012, foi desembargador do Tribunal Regional Federal 4ª Regional (TRF-4) e ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ).


 Fonte: Portal Planalto
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte "É preciso que cada um cumpra com a sua obrigação, que tenhamos pulso forte e que se trabalhe muito para que possamos devolver a paz para a população paraense. Tivemos audiência hoje com o Presidente da República, Michel Temer, o Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, e deputados federais do Pará onde ficou decidido que o Centro Integrado de Comando e Controle da Região Norte será instalado em Belém. É um espaço que integra todos os órgãos de segurança pública, federais e estaduais, com o objetivo de investigar e reduzir a onda de violência que tomou conta da nossa região, do nosso estado e da região metropolitana da nossa capital Belém", disse Helder Barbalho. Por Gleyson Araujo SAIBA MAIS NO LINK: www.tvcidadesbt.com.br/2018/04/para-deve-sediar-centro-integrado-de.html

Publicado por TV Cidade SBT em Sexta, 13 de abril de 2018
Acidentes (733) Altamira (1030) Anapu (57) Belo Monte (227) Belo Sun (14) Brasil (1866) Brasil Novo (668) Celebridades (95) Ciência (192) Cinema (74) Clima e Tempo (51) Curiosidades (983) Desaparecidos (13) Eleições (263) Esporte (76) Governo Federal (369) Ibama (59) Imprensa (115) Internet (415) Itaituba (185) Justiça (715) Marabá (43) Medicilândia (198) Mundo (860) Música (132) Norte Energia (188) Novo Repartimento (28) Pacajá (47) Pará (920) Placas (45) Polícia (2230) Política (1287) Porto de Moz (27) Religião (565) Rurópolis (71) Santarém (218) SBT (302) Souzel (38) Tecnologia (251) Televisão (372) Transamazônica (369) Tucuruí (53) Uruará (322) Vitória do Xingu (138)

Postagem em destaque

Helder lidera em nova pesquisa para governador do Estado

Helder Barbalho (PMDB) lidera na nova pesquisa sobre a preferência do eleitorado paraense nas eleições deste ano ao governo do Estado. Na in...