Slideshow

Breaking News

ES abre processo de demissão contra policiais por paralisação.

(Foto: Divulgação)
Nesta terça-feira a Polícia Militar informou que vai publicar, em Diário Oficial do Estado, a instauração dos primeiros Inquéritos Policiais Militares e o processo de demissão de 161 militares envolvidos na greve.

Ainda são um dos primeiros inquéritos instaurados de 703 policiais militares investigados. A condução dos inquéritos vai ficar a cargo da Corregedoria da PM. Quando concluídos serão encaminhados para o Juízo de Direito da Vara da Auditoria Militar.

O processo de demissão tem prazo inicial de 30 dias para serem concluídos, segundo o governo. Serão publicados os inquéritos de dois tenentes-coronéis, um major e um capitão da reserva remunerada, de acordo com Secretaria de Segurança Pública.