Hospital Regional de Altamira premia ideias inovadoras de colaboradores

sexta-feira, março 24, 2017
A gestão participativa e o incentivo à inovação, ao reaproveitamento de recursos e a otimização de investimentos são os pilares do projeto 'Dê Asas', promovido pelo Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT), em Altamira. A partir da iniciativa, criada em 2015, os colaboradores sugerem ideias que contribuem para o processo de melhoria contínua da gestão da unidade, gerenciada pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).


Na terceira edição do projeto, a unidade recebeu 12 propostas com focos diversos, como segurança do paciente, sustentabilidade, acesso à leitura e suporte em tecnologia. Desse total, sete serão colocadas em prática. Os autores dessas propostas foram homenageados pela unidade nesta quinta-feira, 23/3, com um café da manhã. Houve ainda o sorteio de uma viagem nacional, para destino de escolha do ganhador, com direito a acompanhante, e entrega de prêmio.

A técnica de Segurança do Trabalho, Elaine Brigano, é uma das recordistas em inovação na unidade. Das seis ideias propostas por ela, quatro já foram implementadas pelo hospital. Dentre elas destacam-se o projeto de suporte para transporte de oxigênio nas macas que são conduzidas do Pronto-Atendimento para as Unidades de Internação, reduzindo a quantidade de profissionais envolvidos na atividade, e, ainda, o suporte para secagem das luvas de látex utilizadas no Serviço de Nutrição e Dietética (SND), que aumentou o período de uso do material. ''Pensar em alternativas para melhorar a qualidade dos processos é gratificante. Melhor ainda é ter o meu trabalho servindo de exemplo e sendo reconhecido'', comentou a técnica.

Assim como Elaine, a enfermeira Vanessa Alcântara também foi reconhecida na premiação desta semana. Ela elaborou um projeto para redução de peso dos colaboradores classificados com sobrepeso e obesidade. ''Hoje nós temos 45% dos colaboradores com sobrepeso e obesidade grau um, dois e três. São quase 200 colaboradores. Por ser um número relativamente alto, é bom nós nos anteciparmos para melhorar a qualidade de vida dessas pessoas e fazer o acompanhamento'', explicou a enfermeira. A partir da ideia de Vanessa, será aberto um consultório exclusivo para colaboradores, a fim de que sejam acompanhados por um nutricionista.

Para o diretor-geral do HRPT, Edson Primo, o 'Dê Asas' impacta positivamente no atendimento aos usuários e motiva os colaboradores. “O projeto estimula o aprendizado, fortalece a cultura da inovação e consolida a participação dos colaboradores no processo de gestão. Ele faz com que as pessoas tenham um olhar crítico e criativo, sempre voltado para a melhoria contínua”, argumentou o diretor.

Por Thais Maria F. Portela
Clique no botão abaixo e Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Destaque

Veja Também