Bene Barbosa, especialista em segurança, ataca Estatuto do Desarmamento no The Noite, de Danilo Gentili

quarta-feira, maio 17, 2017
A hegemonia de esquerda na imprensa era uma realidade até bem pouco tempo atrás, e isso se refletia – e ainda se reflete em grande medida – em pautas claramente politizadas, ideologizadas, enviesadas. O leitor e o telespectador ficavam apenas com um lado da história, e um lado bem manipulado, invertendo fatos, escondendo argumentos e dados, sem direito ao contraditório.
Reprodução
Isso felizmente está mudando agora. E em poucos casos a predominância da esquerda se destaca mais do que na questão do desarmamento. Só se vê “especialista” defendendo as medidas do governo que não só ignoram a opinião popular, como usurpam do cidadão seu direito básico de legítima defesa. Nunca aqueles que criticam tais medidas ineficientes são convidados para expor seus pontos. Ou nunca eram.

O programa The Noite, de Danilo Gentili, recebeu nesta terça Bene Barbosa, fundador da ONG Movimento Viva Brasil e especialista – de verdade – em segurança pública. Ele explica por que o Estatuto do Desarmamento desrespeitou o povo e vem facilitando a vida dos marginais, em vez de reduzir a criminalidade. O documentário “Desarmados”, que já mencionei aqui, foi tema da entrevista:




Até quando vamos aceitar essa narrativa única que responsabiliza as armas pelos crimes, e retira do indivíduo seu direito inalienável de autodefesa?

Por Rodrigo Constantino
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte "É preciso que cada um cumpra com a sua obrigação, que tenhamos pulso forte e que se trabalhe muito para que possamos devolver a paz para a população paraense. Tivemos audiência hoje com o Presidente da República, Michel Temer, o Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, e deputados federais do Pará onde ficou decidido que o Centro Integrado de Comando e Controle da Região Norte será instalado em Belém. É um espaço que integra todos os órgãos de segurança pública, federais e estaduais, com o objetivo de investigar e reduzir a onda de violência que tomou conta da nossa região, do nosso estado e da região metropolitana da nossa capital Belém", disse Helder Barbalho. Por Gleyson Araujo SAIBA MAIS NO LINK: www.tvcidadesbt.com.br/2018/04/para-deve-sediar-centro-integrado-de.html

Publicado por TV Cidade SBT em Sexta, 13 de abril de 2018
Acidentes (733) Altamira (1030) Anapu (57) Belo Monte (227) Belo Sun (14) Brasil (1866) Brasil Novo (668) Celebridades (95) Ciência (192) Cinema (74) Clima e Tempo (51) Curiosidades (983) Desaparecidos (13) Eleições (263) Esporte (76) Governo Federal (369) Ibama (60) Imprensa (115) Internet (415) Itaituba (185) Justiça (716) Marabá (43) Medicilândia (199) Mundo (860) Música (132) Norte Energia (188) Novo Repartimento (28) Pacajá (47) Pará (921) Placas (45) Polícia (2230) Política (1289) Porto de Moz (27) Religião (565) Rurópolis (71) Santarém (218) SBT (302) Souzel (38) Tecnologia (251) Televisão (372) Transamazônica (369) Tucuruí (53) Uruará (322) Vitória do Xingu (138)

Postagem em destaque

Helder lidera em nova pesquisa para governador do Estado

Helder Barbalho (PMDB) lidera na nova pesquisa sobre a preferência do eleitorado paraense nas eleições deste ano ao governo do Estado. Na in...