MENORES INFRATORES PODEM FICAR INTERNADOS POR MAIS TEMPO

quinta-feira, maio 04, 2017
A comissão de constituição e justiça do senado aprovou o projeto que amplia de três para oito anos o tempo de internação de adolescentes condenados por condutas compatíveis com crimes hediondos. A votação aconteceu esta semana e o texto, que modifica o estatuto da criança e do adolescente, será analisado na câmara dos deputados.


Dependendo do resultado, as regras do eca passam a ser aplicadas a pessoas entre 18 e 26 anos, diferente de agora, que o limite de idade é de 21 anos. Alguns senadores defendem que as punições aplicadas atualmente são desproporcionais à gravidade da infração.

Outra mudança é no atendimento socioeducativo, que deve ser cumprido em uma ala especial ou em um estabelecimento específico.

Os internos devem ter acesso à educação, seja de nível fundamental médio ou profissionalizante. De acordo com o projeto, o adulto que usar criança ou adolescente para a prática de crime deve ter a pena aumentada, podendo até mesmo chegar ao dobro da prevista no código penal.

Por Juliana Carvalho | Vale do Xingu
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Destaque

Veja Também

Acidentes (649) Altamira (951) Anapu (47) Belo Monte (220) Belo Sun (13) Brasil (1665) Brasil Novo (630) Celebridades (77) Ciência (177) Cinema (67) Clima e Tempo (40) Curiosidades (759) Desaparecidos (10) Eleições (178) Esporte (72) Governo Federal (308) Ibama (56) Imprensa (107) Internet (342) Itaituba (163) Justiça (623) Marabá (37) Medicilândia (160) Mundo (767) Música (125) Norte Energia (185) Novo Repartimento (23) Pacajá (38) Pará (775) Placas (43) Polícia (2006) Política (1036) Porto de Moz (25) Religião (529) Rurópolis (67) Santarém (201) SBT (290) Souzel (35) Tecnologia (214) Televisão (344) Transamazônica (342) Tucuruí (39) Uruará (291) Vitória do Xingu (123)