Após mudar de sexo, transexual é reconhecida legalmente como homem e perde direito a pensão

quinta-feira, setembro 14, 2017

Existe um benefício das Forças Armadas concedido especialmente para as filhas – mas não para os filhos – de militares falecidos ou aposentados. A pensão tem um valor relativamente alto a depender do cargo ocupado pelo militar em questão.

Ocorreu, no entanto, que a filha de um militar que recebia esta pensão resolveu fazer mudança de sexo. Ela mudou também sua identidade, passando a ser legalmente reconhecida como homem. A pensão, que vinha da Marinha, foi cortada, uma vez que só é concedida às filhas do sexo feminino.


Quem julgou a causa foi o juiz federal Frederico Montedonio Rego.

Jornal Livre com informações do O Globo.

Destaque

Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (677) Altamira (985) Anapu (48) Belo Monte (222) Belo Sun (13) Brasil (1731) Brasil Novo (639) Celebridades (85) Ciência (182) Cinema (70) Clima e Tempo (41) Curiosidades (822) Desaparecidos (10) Eleições (197) Esporte (73) Governo Federal (331) Ibama (57) Imprensa (112) Internet (366) Itaituba (170) Justiça (654) Marabá (39) Medicilândia (165) Mundo (799) Música (127) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (40) Pará (822) Placas (44) Polícia (2072) Política (1120) Porto de Moz (25) Religião (540) Rurópolis (70) Santarém (209) SBT (295) Souzel (35) Tecnologia (226) Televisão (357) Transamazônica (349) Tucuruí (45) Uruará (299) Vitória do Xingu (126)