Em campanha pela doação de órgãos, Hospital Regional de Altamira adere à cor do 'Setembro Verde'

domingo, setembro 10, 2017

Desde o dia primeiro de setembro, que passa pela frente do Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT), em Altamira (PA), à noite percebe que a unidade está com uma cor diferente. A iluminação do hospital está toda na cor verde, fazendo uma alusão à campanha “Setembro Verde”, que incentiva a doação de órgãos. Mas as ações em prol desta iniciativa começaram ainda no mês passado e devem se estender até o final do ano.

A Comissão Intra-hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT) da unidade está à frente do conjunto de ações nesta campanha, que compreende atividades internas, com visitas aos setores do hospital para abordar a doação de órgãos com os colaboradores; e externas, com palestras em universidades, escolas e outras instituições. A ideia é esclarecer dúvidas e incentivar para que cada vez mais pessoas se declarem doadoras.


“Os nossos colaboradores são difusores dessas informações, por isso a nossa primeira ação é de capacitá-los sobre a importância da doação de órgãos, para que eles possam passar isso a seus familiares, amigos, vizinhos. Também fazemos as palestras externas para disseminar ainda mais a ideia de que é necessário doar órgãos. Em 2016, de acordo com a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), nós tivemos uma média de recusa familiar de 75% na região Norte. E o grande motivo de recusa é a falta do conhecimento”, ressalta o médico nefrologista Leonardo Rodrigues, membro da CIHDOTT do Hospital da Transamazônica.

Órgãos e tecidos como córneas, coração, pulmão, pâncreas, ossos, medula óssea, intestinos, rins, pele, valvas cardíacas e fígado podem ser doados e ajudar a salvar várias vidas. Os potenciais doadores são, na maioria das vezes, pacientes diagnosticados com morte encefálica, ou seja, que perderam todas as funções do cérebro. Para se tornarem doadores, a família dos pacientes precisa autorizar o procedimento.


“Ainda há muitas dúvidas, principalmente em relação ao diagnóstico de morte encefálica pelos familiares. Muita gente acha que se o coração continua batendo, se o paciente ainda está aquecido ou mesmo apresenta alguns movimentos que são comandados pela medula, de que aquele usuário ainda está vivo. Mas nossa vida gira em torno do nosso encéfalo. E o papel da CIHDOTT é exatamente esclarecer isso e esclarecer à população que a doação de órgãos é um ato de amor e que pode salvar e mudar a vida de muitas pessoas”, completa o médico.

A iniciativa das luzes na cor verde no lado de fora da unidade tem o objetivo de chamar atenção da população à campanha de Doação de Órgãos e continuará o mês inteiro, todo o 'Setembro Verde'. “Nós somos um hospital geral, mas a nossa maior massa de atendimento é de trauma, de pacientes propensos à doação de órgãos. Então resolvemos aproveitar o mês de setembro e iluminar a unidade, para que toda sociedade, toda Altamira pudesse identificar que estamos nesta campanha. E o objetivo maior é tentar sensibilizar os familiares mesmo, para que possamos ser um local de captação, e no futuro de transplante de órgãos”, explica o diretor-geral do HRPT, Edson Primo.


Captação e Transplante de Órgãos


Esta é a primeira Campanha de Doação de Órgãos promovida pelo HRPT, que é gerido pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar desde sua inauguração, em 2006, por meio de contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

Mas a entidade já é referência na captação e transplante de órgãos e tecidos através do Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém. A unidade faz o trabalho de captação desde 2012 e realizou o primeiro transplante em novembro do ano passado. Só em 2017, o HRBA já captou dez órgãos (rins) e dez tecidos (córneas), além de ter realizado seis transplantes de rins apenas neste ano.


Por Gustavo Campos | Pró-Saúde
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte

Pará deve sediar centro integrado de Segurança da região Norte "É preciso que cada um cumpra com a sua obrigação, que tenhamos pulso forte e que se trabalhe muito para que possamos devolver a paz para a população paraense. Tivemos audiência hoje com o Presidente da República, Michel Temer, o Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, e deputados federais do Pará onde ficou decidido que o Centro Integrado de Comando e Controle da Região Norte será instalado em Belém. É um espaço que integra todos os órgãos de segurança pública, federais e estaduais, com o objetivo de investigar e reduzir a onda de violência que tomou conta da nossa região, do nosso estado e da região metropolitana da nossa capital Belém", disse Helder Barbalho. Por Gleyson Araujo SAIBA MAIS NO LINK: www.tvcidadesbt.com.br/2018/04/para-deve-sediar-centro-integrado-de.html

Publicado por TV Cidade SBT em Sexta, 13 de abril de 2018
Acidentes (733) Altamira (1030) Anapu (57) Belo Monte (227) Belo Sun (14) Brasil (1866) Brasil Novo (668) Celebridades (95) Ciência (192) Cinema (74) Clima e Tempo (51) Curiosidades (983) Desaparecidos (13) Eleições (263) Esporte (76) Governo Federal (369) Ibama (59) Imprensa (115) Internet (415) Itaituba (185) Justiça (715) Marabá (43) Medicilândia (198) Mundo (860) Música (132) Norte Energia (188) Novo Repartimento (28) Pacajá (47) Pará (920) Placas (45) Polícia (2230) Política (1287) Porto de Moz (27) Religião (565) Rurópolis (71) Santarém (218) SBT (302) Souzel (38) Tecnologia (251) Televisão (372) Transamazônica (369) Tucuruí (53) Uruará (322) Vitória do Xingu (138)

Postagem em destaque

Helder lidera em nova pesquisa para governador do Estado

Helder Barbalho (PMDB) lidera na nova pesquisa sobre a preferência do eleitorado paraense nas eleições deste ano ao governo do Estado. Na in...