Em pesquisa eleitoral na região metropolitana de Belém para Governador do Estado, Helder Barbalho aparece em primeiro lugar

sexta-feira, setembro 29, 2017
Em relação ao voto estimulado para o cargo de Governador do Estado do Pará, foi testado quatro cenários
Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB)
No primeiro cenário onde foram testados sete nomes, o Ministro da Integração, Helder Barbalho, aparece em primeiro lugar com 22,6% das citações, seguido por Úrsula Vidal, citada por 16,0% dos eleitores, o Deputado Federal, Arnaldo Jordy, está em terceiro lugar, mencionado por 9,3% dos entrevistados, Marinor Brito, obteve 6,2% das citações, Paulo Rocha 2,9%, Marcio Miranda 1,9%, Flexa Ribeiro 1,4%. Responderam que anulariam o voto 33,8% dos entrevistados e 6,0% preferiram não expressar suas opiniões.
Intenção de voto para Governador (estimulado)
No segundo cenário para o cargo de Governador, com cinco nomes testados, o Ministro da Integração, Helder Barbalho, continua em primeiro lugar alcançando 24,8% das citações, seguido de perto por Úrsula Vidal, citada por 21,4% dos eleitores, o atual prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, em terceiro lugar, foi mencionado por 5,2% dos eleitores, Paulo Rocha, obteve 3,3% das citações e Zequinha Marinho 2,9%. Neste cenário, 35,0% do eleitorado votariam em branco ou anulariam o voto e 7,4% não responderam à indagação.

No terceiro cenário para o cargo de Governador novamente com cinco nomes testados, o Ministro da Integração, Helder Barbalho, está em primeiro lugar com 25,7% das citações, seguido de perto por Úrsula Vidal, citada por 22,4% dos eleitores, Mario Couto, surge em terceiro lugar, mencionado por 4,5%, Marcio Miranda, obteve 3,3% das citações e Zé Geraldo 0,5%. Neste cenário, 36,4% do eleitorado votariam em branco ou anulariam o voto e 7,1% não responderam à pergunta.

No quarto cenário agora com quatro nomes testados, o Ministro Helder Barbalho, está em primeiro lugar com 26,7% das citações, seguido de perto por Úrsula Vidal, citada por 22,9% dos eleitores, Paulo Rocha, ficou em terceiro lugar mencionado por 3,8% dos eleitores, Adnan Demachki, obteve 1,2% das citações. Neste cenário, 38,0% do eleitorado votariam em branco ou anulariam o voto e 7,4% não responderam à pergunta.


Esta pesquisa realizada pelo Instituto Acertar, teve como objetivo principal, aferir indicativos e potencialidade de intenção de voto de pré-candidatos aos cargos de Presidente da República, Governador e Senador para a eleição de 2018 no Estado do Pará. Investigou se também a avaliação da população em relação ao governo Zenaldo Coutinho, após um ano e oito meses de administração municipal e a imagem da administração dos governos de Simão Jatene e Michel Temer.

O presente estudo foi realizado através de uma pesquisa de natureza quantitativa, com aplicação de questionário estruturado e padronizado a uma amostra representativa do universo de investigação, com técnica de entrevista pessoal domiciliar.

Área de abrangência

Compreendeu a dispersão geográfica da Região Metropolitana de Belém, de acordo com os 05 municípios que a compõe, a saber: Belém, Ananindeua, Marituba, Santa Bárbara e Benevides.

Público alvo

Pessoas eleitoras de ambos os sexos com idade igual ou superior a 16 anos, residentes nos municípios de abrangência da pesquisa.

Fonte dos dados

Para a delimitação do público a ser alcançado pela pesquisa foram utilizados os dados do Censo de 2010 e as estimativas populacionais, realizadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), além do quantitativo de eleitores disponibilizados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE/agosto 2017).

Atualmente, a Região Metropolitana de Belém é composta por 1.470.617 eleitores, o que corresponde a 26,7% do total de 5.506.454 eleitores do Estado do Pará.

Estratificação da amostra

Distribuída de forma proporcional pelas variáveis: Sexo, grupo de idade, região de moradia (urbana e rural) e pelo número de eleitores de cada município. Especificamente em Belém, a amostra, foi estratificada com alocação proporcional à população dois oito distritos administrativo que compõem o município (DAMOS – Mosqueiro, DAOUT – Outeiro, DAICO – Icoaraci, DABEN – Bengui, DAENT – Entroncamento, DASAC – Sacramenta, DABEL – Belém e DAGUA – Guamá).

Amostra e margem de erro

Com 540 questionários aplicados, a margem de erro para os resultados da pesquisa é de 4,3% para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.

Data de coleta dos dados

22 a 26 de setembro de 2017.

Controle de qualidade

Checagem de 25% dos questionários aplicados, para detectar erros.

As mulheres compõem 53,7% da amostra e os homens 46,3%; entre 16 e 24 anos estão 16,3% dos entrevistados, 22,2% têm entre 25 e 34 anos, 21,9% estão na faixa entre 35 e 44, 23,1% têm entre 45 e 59 anos e 16,5%, 60 anos ou mais.

Com informações do Bacana News
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (686) Altamira (1002) Anapu (48) Belo Monte (224) Belo Sun (14) Brasil (1766) Brasil Novo (643) Celebridades (89) Ciência (187) Cinema (70) Clima e Tempo (42) Curiosidades (865) Desaparecidos (11) Eleições (218) Esporte (74) Governo Federal (337) Ibama (57) Imprensa (113) Internet (384) Itaituba (171) Justiça (666) Marabá (42) Medicilândia (174) Mundo (818) Música (129) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (41) Pará (842) Placas (44) Polícia (2109) Política (1160) Porto de Moz (25) Religião (549) Rurópolis (70) Santarém (209) SBT (299) Souzel (37) Tecnologia (229) Televisão (364) Transamazônica (354) Tucuruí (47) Uruará (302) Vitória do Xingu (130)