PM recupera 4 motocicletas furtadas e roubadas na cidade de Uruará

quinta-feira, setembro 21, 2017

A Polícia Militar  realiza rondas 24 horas na cidade de Uruará, sudoeste do Pará, com suas Guarnições de Serviço (GU) sempre alerta e atenta no trabalho ostensivo e preventivo. Durante a tarde e durante a noite, as GUs conseguiram recuperar 4 motocicletas roubadas/furtadas que estavam circulando pelo trânsito da cidade. A recuperação foi possível através de abordagens preventivas realizadas pelos PMs sob o comando do Capitão Edinei, comandante da 13ª Companhia Independente de Polícia Militar de Uruará (13ªCIPM).

Curte nossa página no Facebook e fique atualizado!

Foram recuperadas e apreendidas 1 moto Pop, 1 moto Titan, 1 moto Broz e 1 moto XTZ. Os veículos foram apresentados a autoridade policial (DPC Walison) na Delegacia de Polícia Civil de Uruará.


Três dos indivíduos flagrados conduzindo as motocicletas apreendidas foram autuados por receptação, por terem comprado veículo roubado ou furtado. Em dois dos casos em que adolescentes conduzia uma moto Pop e outro uma moto Broz, os pais dos adolescentes também irão responder pelo crime. Já contra os menores foi lavrado um BOC (Boletim circunstanciado de Ocorrência). No 3º caso a moto Titan na cor vermelha havia sido furtada/roubada na cidade de Altamira. No 4º caso um indivíduo foi autuado pelo crime de furto por estar conduzindo uma moto Broz na cor preta que o mesmo alega ter encontrada abandonada em via pública.


“O bom trabalho da PM conseguiu ontem apreender 4 motocicletas furtadas ou roubadas. Após os procedimentos nós vamos realizar a entrega destas motocicletas, lembrando que o proprietário deve comparecer aqui na delegacia e apresentar algum documento de propriedade do veículo. Não é cobrada nenhuma taxa na entrega da motocicleta. Será necessário a realização de perícia, como ocorre sempre nesses casos em que é registrado o furto/roubo, mas também não é cobrada nenhuma taxa referente a perícia”, asseverou o delegado Walison Damasceno.

A Polícia Civil alerta que o cidadão precisa estar atento e sempre checar a documentação ou chassi do veículo junto ao Detran ou Polícia Civil para não cair em prejuízo de ter o nome envolvido em crime de receptação e perder o dinheiro investido, sobre tudo para não alimentar as ocorrências de roubos e furtos de veículos, já que quem compra produto de crime contribui para a ocorrência do mesmo.


Ainda alerta para a questão da xérox de nota fiscal apresentada pelo vendedor na hora da negociação, o cidadão deve sempre desconfiar e não aceitar a xérox como documento. Segundo dados da PC há pelo menos 150 motocicletas circulando no município usando apenas este tipo de documento citado. Quem for flagrado de posse de veículo nas condições mencionadas será conduzido para a delegacia e responderá de acordo com os procedimentos orientados pela lei.


Por Joabe Reis
Inscreva-se no nosso canal do Youtube!

Veja Também

Acidentes (685) Altamira (1002) Anapu (48) Belo Monte (224) Belo Sun (14) Brasil (1765) Brasil Novo (643) Celebridades (89) Ciência (187) Cinema (70) Clima e Tempo (41) Curiosidades (864) Desaparecidos (11) Eleições (217) Esporte (74) Governo Federal (337) Ibama (57) Imprensa (113) Internet (383) Itaituba (171) Justiça (666) Marabá (42) Medicilândia (172) Mundo (817) Música (129) Norte Energia (186) Novo Repartimento (23) Pacajá (41) Pará (842) Placas (44) Polícia (2107) Política (1159) Porto de Moz (25) Religião (549) Rurópolis (70) Santarém (209) SBT (299) Souzel (37) Tecnologia (229) Televisão (364) Transamazônica (353) Tucuruí (46) Uruará (302) Vitória do Xingu (130)