Slideshow

Breaking News

EX-PREFEITO VIRA RÉU EM AÇÃO DE IMPROBIDADE EM RURÓPOLIS


O juiz Odinandro Garcia Cunha, da Justiça Estadual em Rurópolis, aceitou denúncia nesta quinta-feira, 19, contra o ex-prefeito do município Pablo Genuíno por crime de improbidade administrativa.
Com a decisão, o jovem tucano de 30 anos se tornou réu.


A denúncia foi ajuizada pelo Ministério Público do Pará em fevereiro deste ano. Pablo foi enquadrado em prática de crime de responsabilidade ao ser flagrando pelo MP se utilizando de servidores e maquinário da Prefeitura de Rurópolis para reformar a sua casa.

“Decido receber a denúncia em desfavor de Pablo Raphael Gomes Genuíno pela prática do crime previsto no artigo 1, inciso II, do Decreto-Lei n 201/1967“, escreveu o magistrado na sua decisão.

Odinandro Cunha marcou para o dia 30 de janeiro do próximo ano a primeira audiência de instrução e julgamento do caso.

Pablo Genuíno foi prefeito de Rurópolis no período de janeiro de 2013 a dezembro de 2016. Tentou a reeleição, mas foi massacrado nas urnas pelo hoje prefeito Taká Padilha, do PMDB, que venceu a eleição com quase 60% dos votos válidos do município.

Por Jeso Carneiro