Slideshow

Breaking News

Ministro Helder autoriza início das obras do Projeto Belém Porto Futuro

Com investimento federal de R$ 31,5 milhões, primeira etapa de revitalização da região portuária deverá ser concluída no início de 2019


As obras da primeira etapa do Projeto Belém Porto Futuro começam a se tornar realidade e deverão ser concluídas no início de 2019. A ordem de serviço para o início dos trabalhos de revitalização da região retroportuária, na capital paraense, foi assinada pelo ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, nesta quarta-feira (14). Os investimentos do Ministério nesta fase inicial somam R$ 31,5 milhões e vão garantir a construção de um parque urbano com serviços de entretenimento, cultura e lazer. O projeto inclui ainda outras obras de urbanização como estacionamentos, a recuperação da Praça General Magalhães e a construção da Praça do Futuro.


“Este é um empreendimento que vai promover a integração do Porto à cidade, impulsionando o desenvolvimento econômico regional. Transformaremos o que hoje é uma área degradada num dos espaços mais modernos de Belém, com capacidade para atrair investimentos, gerar emprego e renda e estimular o turismo”, destacou o ministro Helder Barbalho. O projeto também prevê a implantação de uma bacia de escoamento das águas pluviais do rio para evitar alagamentos na região em época de chuvas fortes. A segunda etapa do empreendimento está em processo de elaboração de projeto.



Inovação


A arquitetura do Belém Porto Futuro será moderna e inovadora, com espaço de exposição de artesanatos, shows, teatros, quiosques com opções de comidas e bebidas típicas, espaço para lazer infantil, centro de convenções e estacionamento. Além disso, será implantado o conceito 'conforto', com Wi-Fi, bancos para descanso, paisagismo e pontos para uso de energia gratuita. Também há a preocupação com a segurança, que será garantida com a instalação de posto policial, gradil ao redor do parque e sistema de monitoramento.


TV Cidade SBT | Ascom/MI