domingo, 22 de abril de 2018

Professor é preso por estupro de vulnerável no Pará

Acusado foi levado para a delegacia onde prestou depoimento e está à disposição da Justiça
(Foto: Divulgação/Polícia Civil)
A Polícia Civil do Pará prendeu na sexta-feira (20), em cumprimento a mandado de prisão preventiva, Alberto Furtado Silva. Investigado desde novembro de 2017 pela prática de crime de estupro de vulnerável. Professor, ele é acusado de abusar sexualmente de uma aluna em Soure, na Ilha do Marajó.


A prisão foi cumprida pela equipe da Delegacia da Mulher (DEAM) do município com apoio de policiais civis da Superintendência Regional do Marajó Oriental.

Segundo o delegado Rodrigo Amorim, titular da Superintendência, o crime em apuração causou grande repercussão na cidade. "Desde o início da apuração, ele foi afastado de sua função de docência", explica. A representação da prisão preventiva foi solicitada pela delegada Thiciane Pantoja Maia, que solicitou pela prisão após a conclusão do laudo sexológico que constatou várias lesões provocadas pelos atos de violência sexual.

"A prova pericial foi essencial para elucidação do crime", detalha a delegada. O cumprimento do mandado de prisão foi realizado pelo delegado Luiz Carlos Barros e pela delegada Thiciane Pantoja Maia, pela investigadora Marileia Marilia e pelo chefe de operações Dávison Wilker.


(Polícia Civil do Pará)

Compartilhe

Comente no Facebook

NEWS - FORMATURA DA TURMA DE PEDAGOGIA EM BRASIL NOVO

NEWS - FORMATURA DA TURMA DE PEDAGOGIA EM BRASIL NOVO SAIBA MAIS NO LINK: www.tvcidadesbt.com.br/2018/05/news-formatura-da-turma-de-pedagogia-em.html

Publicado por TV Cidade SBT em Domingo, 20 de maio de 2018

Postagem em destaque

Helder lidera em nova pesquisa para governador do Estado

Helder Barbalho (PMDB) lidera na nova pesquisa sobre a preferência do eleitorado paraense nas eleições deste ano ao governo do Estado. Na in...

Mais Acessadas

Arquivo do Site